José de Molina

De Protopia
Ir para: navegação, pesquisa
Jose.de.molina.jpg
José de Molina foi um lendário trovador anarquista mexicano, fígura célebre da música testimonial centro-americano, autor de letras e de canções poderosas, de convicção e humor singulares. Ao longo da vida este mariachi libertário dedicou-se a compartilhar e promover a história das lutas populares libertárias e dos movimentos dos trabalhadores organizados na América Central através de suas muitas músicas. Denunciou governantes corruptos, latifundiários cruéis e burgueses tiranos que por todos os meios se esforçaram por lhe fazer calar a voz.

Foi um dos sobreviventes do massacre de 2 de outubro em Tlatelolco, e da chacina de El halconazo de 10 de junho de 1971. Foi vítima de ameaças, sequestros, sofreu estorções pela policía política mexicana, mas jamais arrefeceu em suas críticas, nem abandonou seus ideais. Considerava a si mesmo como um socialista libertário, dizia que todo estado-governo, por mais bem intencionado que seja, no fim das contas sempre se corrompe tornando-se despótico, repressivo e tirânico. Molina não acreditava em iluminados que pudessem governar a outros, nem aceitava deuses, muito menos amos.

Álbuns

{{#ev:youtube|zkcxc0CjmVU}}



Intérpretes

A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z